A POLÍTICA NACIONAL DA SAÚDE BUCAL E SUAS REVERBERAÇÕES NA QUALIDADE DA SÁUDE BUCAL: O CASO DO PSF I CENTRO DE NATUBA/PB / EFFECTIVENESS OF PERCEPTION IN SHARES OF HEALTH MOUTH : THE CASE OF PSF I AT NATUBA / PB

Luana Jannine Franklin Barbalho Araújo, Igor Martins, Emanuelle Dayana Vieira Dantas

Resumo


Sabe-se que por muito tempo, a questão bucal não era nem considerada como requisito para dispêndio de atenção específica e atenta pela agenda política, mas hoje, a saúde bucal é um pilar importante na qualidade de vida e no desenvolvimento social. Desde os anos 2000, observamos tanto uma atenção maior dada a questão bucal, que temos legislações e planos nacionais próprios como a Política Nacional da Saúde Bucal, as Diretrizes para Saúde Bucal e o lançamento do programa Brasil Sorridente. O intuito deste artigo foi analisar a performance dos procedimentos da Saúde Bucal no PSF I, da cidade de Natuba/PB, e correlacionar ao nível de efetividade destas ações percebida pelos profissionais. Intentou-se um estudo de caso descritivo com abordagem qualitativa, além da técnica de observação participante. Mesmo com resultados considerados positivos, a efetividade das ações fica comprometida pela falta de verba e estrutura, mas, apesar das falhas observadas, apontou que ações pontuais como programas educacionais, colaboradores com foco no resultado e equipes bem avaliadas demonstram que a saúde bucal está dando seus primeiros passos para a consolidação de uma política pública consistente e real.


Palavras-chave


Saúde bucal; Política Nacional de Atenção Básica; Política Nacional da Saúde Bucal; Qualidade de Vida

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Copyright APEC e Rede Internacional de Universidades Laureate

E-mail: edunp@unp.br

AV. Senador Salgado Filho, nº1610. Prédio I, 3º andar, Sala 306. Lagoa Nova. Natal/RN. CEP: 59056-000.
Tel.: (84) 3215-1222

ibict_small_122