CORREIO BRAZILIENSE E WHATSAPP: novas rotinas produtivas e o público como protagonista no processo de construção da notícia

Fernanda Vasques Ferreira, Carlos Augusto Bernardes Ribeiro

Resumo


O presente artigo tem como problema compreender as alterações que ocorrem nas rotinas produtivas do Jornal Correio Braziliense, do Distrito Federal a partir da implantação do aplicativo WhatsApp para uso do público leitor e verificar quais as consequências dessa mudança para o processo de construção da notícia, alterando o seu fluxo tradicional. Os métodos utilizados foram a revisão bibliográfica, a entrevista em profundidade com editores do jornal e a observação participante. Observa-se que o uso do WhatsApp alterou as rotinas tradicionais implantando novo ritmo durante as reuniões de pauta e na práxis jornalística e proporcionou uma ampliação do relacionamento do jornal com o público leitor, estreitando o vínculo com os cidadãos comuns que passaram a protagonizar a produção das notícias.


Palavras-chave


Correio Braziliense. Rotinas produtivas. WhatsApp. Participação do leitor.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Copyright APEC e Rede Internacional de Universidades Laureate

E-mail: edunp@unp.br

AV. Senador Salgado Filho, nº1610. Prédio I, 3º andar, Sala 306. Lagoa Nova. Natal/RN. CEP: 59056-000.
Tel.: (84) 3215-1222

ibict_small_122